Um belo dia (não tão belo assim) você descobre que seu filho precisa usar aparelho auditivo. Muitos pais se desesperam diante dessa situação só de pensar em como será a vida do pequeno com as próteses.

Já imaginam o preconceito, o bullying na escola e os olhares de piedade das pessoas. Com isso, criam uma resistência ao aparelho que acabam passando para a criança. Entretanto, não há motivos para pensar dessa forma.

Os aparelhos auditivos fazem parte do cotidiano de muitas crianças e adultos e, portanto, ja podem ser encarados com naturalidade. Não estamos dizendo que o preconceito não existe, mas tenha certeza que ele não será generalizado — nem todo mundo que olhar para o seu filho vai considerá-lo “diferente” por causa do aparelho.

Ainda assim, se mesmo após você ter vencido suas próprias barreiras, o seu filho ainda apresentar resistência, veja nossas dicas abaixo para ajudá-lo a lidar com esse momento da melhor forma:

1. Tenha um diálogo aberto com a criança

Nada de esconder do seu filho que ele tem um problema auditivo ou de deixar para contar para ele do aparelho somente quando a prótese estiver pronta. Assim que recebido o diagnóstico, é importante conversar abertamente com a criança.

Explique ao seu filho que ele precisará usar um aparelho para ouvir melhor e que isso não o faz diferente dos amigos. Você pode até usar como exemplo um coleguinha do seu filho que usa óculos ou aparelho nos dentes. Diga que ele leva uma vida normal com o item assim como seu filho levará com o aparelho auditivo.

2. Fale dos benefícios do aparelho

Diga ao seu filho que com o aparelho ele vai ouvir melhor a voz das pessoas, as músicas, os sons dos ambientes que frequenta. Explique que brincar será muito mais divertido quando ele puder ouvir.

Você deve mostrar o aparelho a ele como algo positivo, que vai ajudá-lo a sentir-se bem e levar uma boa vida social, mais leve e feliz.

3. Customize o aparelho

Pode ser que ele ache o aparelho feio e sem graça. Para incentivá-lo a usar, que tal customizar a peça? Crianças são fãs de super heróis e personagens de filmes e desenhos infantis.

Por que não providenciar um plug com o personagem preferido dele? Já existem lojas que oferecem essas peças para customização. Dessa forma, a criança pode se animar a andar com o seu super herói na orelha.

4. Forneça uma rede de apoio

De nada adianta a mãe mostrar à criança os aspectos positivos do aparelho se o primo, a vizinha ou a professora começarem a perguntar demais sobre a peça, o deixando constrangido.

O ideal é conversar com as pessoas do convívio da criança assim que descobrir o problema de audição, para que todos a ajudem a encarar o aparelho de forma positiva.

Outra sugestão importante é leva-la à terapia. Lá, ela terá a ajuda de um profissional para vencer todos os seus medos e inseguranças relacionadas à dificuldade auditiva.

Por fim, a dica mais valiosa de todas é encarar esse momento da vida do seu filho com naturalidade, sem monstrificar tanto os aparelhos. Além disso, reserve uma boa dose de carinho e de paciência para ajudar seu pequeno a passar por isso da melhor forma possível.

Percebeu como você pode ajudar seu filho a aceitar o aparelho auditivo? Se você gostou, visite o nosso site e conheça um pouco mais sobre o tema.